Redes sociais e celulares serão os maiores alvos de ataques em 2011, diz McAfee

Além de redes sociais e smartphones, deve crescer ataques por motivação política

Redes sociais, como Twitter e Facebook, e dispositivos móveis, sobretudo dos aparelhos com plataforma Android e iPhone, estão entre os principais alvos de cibercriminosos em 2011, prevê a McAfee, empresa de segurança. As informações são do relatório Threat Predictions 2011 (previsões de ameças) divulgado pela empresa nesta terça-feira (4).

De acordo com o estudo, Twitter e Facebook serão alvos de ataques em função da rapidez no compartilhamento de informações e na utilização de links encurtados. Segundo o McAfee Labs, área da empresa de segurança que monitora ameaças, são geradas mais de 3 mil URLs encurtadas por minuto para spam. Muitas vezes, esses endereços podem levar para sites que podem instalar algum tipo de código malicioso no computador do usuário.

Por parte dos dispositivos móveis, a empresa acredita que, baseado no ano passado – quando surgiram rootkits para Android e o jailbreak para iPhone – a tendência é que os cibercriminosos mirem esses aparelhos. “Considerando-se nossa infraestrutura celular historicamente frágil e os tímidos avanços em direção à criptografia, os dados corporativos e dos usuários correm sério risco”, diz o estudo.

Para usuários que gostam de divulgar a localização por meio de serviços como Foursquare, Gowalla e Facebook Places (ainda indisponível no Brasil), o relatório informa que eles “atraem cibercriminosos, pois permitem pesquisar e rastrear o local de usuários de forma rápida e imediata.” A facilidade no acesso a esse tipo de informação pessoal fará com que usuários mal-intencionados realizem novos tipos de ataques.

Ataques por motivação política
Outro ponto a ser observado durante o ano é o aumento de ataques por motivação política. Para a empresa, ações como a do grupo “Anônimos”, que, em represália a serviços que boicotaram o WikiLeaks, derrubou sites de instituições como Visa e MasterCard, aumentarão. ”Partindo das ruas, os organizadores políticos migrarão para a Internet para lançar ataques e enviar mensagens pela Internet. Assim como no mundo físico, é de se esperar que os ataques hacktivistas inspirem e fomentem agitações e outras demonstrações no mundo real.”

Plataforma Mac
Pouco visada por cibercriminosos, os ataques a dispositivos com plataforma Mac tendem a crescer. A empresa de segurança detectou que a complexidade de malwares para o sistema tem atingido altos níveis. Redes de bots (computadores zumbis que são utilizados por crackers para ataques) e cavalos de troia são as apostas de pragas mais utilizadas por criminosos para o sistema da Apple.

Fonte: Uol

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: