“O Livro Negro da Psicanálise” questiona inverdades sustentadas por Freud

FABIO ANDRIGHETTO

Reúne artigos de 23 autores que questionam a eficácia da análise

Quando foi publicado na França, “Le Livre Noir de la Psychanalyse”, organizado por Catherine Meyer, causou polêmica ao questionar a validade das teorias de Sigmund Freud (1856-1939) e a eficiência da psicanálise.

Lançado pela editora Civilização Brasileira, “O Livro Negro da Psicanálise: Viver e Pensar Melhor Sem Freud” chega ao Brasil em edição traduzida e organizada pela psicanalista Simone Perelson.

O título reúne artigos, entrevistas e depoimentos de autores das áreas de história, filosofia, psiquiatria, psicologia, jornalismo e física. Os textos apontam uma série de inverdades postuladas por Freud.

Apesar de o pensamento ainda ser hegemônico na França, e de alguns conceitos –inconsciente e complexo de Édipo, por exemplo– terem se tornado parte do vocabulário popular, a teoria freudo-lacaniana apresenta franco declínio no restante do mundo.

Para defender o Mestre de Viena, alguns intelectuais, como a historiadora e psicanalista Elisabeth Roudinesco, contestaram o conteúdo do volume. A edição proporcionou debates passionais e ampla repercussão na imprensa francesa. No Brasil –que também conta com defensores da ideia considerada obsoleta–, a publicação deve repetir a disputa.

“O Livro Negro da Psicanálise”
Organizadora: Simone Perelson
Editora: Civilização Brasileira
Páginas: 644
Quanto: R$ 55,17 (preço promocional de lançamento)
Onde comprar: pelo telefone 0800-140090 ou pelo site da Livraria da Folha

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: