A depressão explicada por quem convive com ela

A “amiga” depressão de muita gente. Olá! Sou “eu”, como se eu fosse um “ser”. Hoje (como todos os dias) vim lhe visitar! Existe visita melhor que a minha?

Eu sou sua amiga para o resto da vida, assim como os amigos são. Te acompanho em todos os teus momentos, até mesmo dormir contigo como uma boa esposa. Você pode se perder, mas eu nunca te perco de vista. Você sou “eu” e “eu” sou você, da mesma forma que nos amantes dizem ser um só.

As vezes ou quase sempre, você fica angustiado comigo, mas não se importe, porque o meu objetivo é estar com você. Quando você insiste em buscar outros amigos, “eu” rapidamente mudo a sua cabeça e faço ela virar uma bagunça. Tudo isto para te proteger das “más” amizades.

Se está querendo dormir ou descansar, pouco importa, eu não preciso de repouso. E se enfim você já tentou de tudo para se livrar de mim, eu me vingo como seu melhor amigo o faria se o machucasse. Não existe “fim” sem a minha presença caro amigo, porque eu já sou o fim!

Fonte: PORTAL EDUCAÇÃO

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: